• Home
  • /
  • Sobre
  • /
  • Blogs Parceiros
  • /
  • Resenhas
  • /
  • Contato
  • Chapeuzinho Esfarrapado e outros contos feministas do folclore mundial, Ethel Johnston Phelps



    As histórias são importantes. Elas estão entre as primeiras coisas que escutamos. Era uma vez, a mãe ou o pai sussurra para o bebê. E uma história começa. (...). As histórias são importantes. São importantes por serem espelhos e janelas. Pelas realidades que refletem e as aspirações que iluminam. Pelos meninos e pelas meninas. Pelas mulheres e pelos homens. São importantes porque, depois de milhares de anos, ainda são a maneira como explicamos quem somos e quem desejamos ser.
    Gayle Forman

    Sinopse: Quem disse que as mulheres nos contos de fadas são sempre donzelas indefesas, esperando para ser salvas pelo príncipe encantado? Esta coletânea reúne narrativas folclóricas do mundo inteiro — do Peru à África do Sul, da Escócia ao Japão — em que as mulheres são as heroínas das histórias e vencem os desafios com esforço, coragem e muita inteligência. Este livro é para todo mundo que não se identifica com as princesas típicas dos contos de fadas. É para garotas e garotos, para que todos possam aprender que as maiores virtudes de um herói não são exclusivas a um só gênero. Enriquecida com textos de apoio e ilustrações modernas, esta edição é uma fonte inestimável de heroínas multiculturais — e indispensável para qualquer estante.


    Chapeuzinho Esfarrapado e outros contos feministas do folclore mundial
    Organização: Ethel Johnston Phelps
    Ilustrações: Bárbara Malagoli
    Tradução: Júlia Romeu
    Editora: Seguinte
    Ano: 2016
    246 páginas

    Toda produção literária traz consigo um caráter histórico e social que, de certa maneira, determina e dá forma ao seu conteúdo. A Literatura expressa através de suas histórias um pouco do mundo em que ela está imersa, bem como as relações que se travam neste espaço. Antes mesmo de existir a escrita, a Literatura se consolidava nos relatos orais que iam passando de boca em boca e expressavam em suas histórias um pouco das relações sociais e construções de identidade. Assim também foi com os contos folclóricos e de fadas.

    Para amar Graciliano, Ivan Marques

    Sinopse: A obra de Graciliano Ramos é elogiada por muitos aspectos: a profundidade psicológica, a construção rigorosa das personagens, o uso de técnicas próprias do romance moderno, a abordagem de temas como a incomunicabilidade, a angústia e a loucura – além das leituras críticas da sociedade brasileira e da condição humana. Esses traços, fartamente encontrados em seus livros, lhe conferem destaque entre os autores mais importantes de nossa Literatura. Mas como observar isso? Ivan Marques desdobra e analisa as principais marcas literárias de Graciliano, mostrando, a partir de fragmentos extraídos de diversas obras, como elas estão presentes no texto do autor, para que você, leitor, possa compreender melhor a arte de sua escrita. A leitura dos romances se tornará, assim, uma experiência mais intensa e profunda, para você amar, ainda mais, Graciliano Ramos.



    Quando eu fiquei sabendo da criação desta coleção da Faro eu fiquei felicíssima! Sou apaixonada por Literatura e sinto falta de obras que destaquem os nossos autores clássicos, que só são realmente lembrados quando exigidos em provas ou exames vestibulares. E fiquei morrendo de vontade de  resenhar este livro, pois sou apaixonada por Graça, como carinhosamente chamo este escritor.

    Conheci a escrita de Graciliano muito cedo, pelas páginas tingidas de realidade de Vidas Secas. A escrita dura e objetiva, a realidade que saltava aos olhos e a clara denúncia social me fizeram abrir o coração para este autor, ainda então desconhecido. A vida no sertão, tão próxima de nós, nordestinos; a desigualdade social, a fome, a sede de poder dos homens... todas essas temáticas pintadas nas páginas brancas que devorei e passei a amar. Um encontro com Graça não é incólume para o leitor. Você sai esvaziado e ao mesmo tempo preenchido.

    Para amar, Graciliano é um encontro maravilhoso com o autor. Um livro de estudos literários muito bem projetado, organizado e didático. Ivan Marques é um especialista em sua arte e desdobra de forma minuciosa as principais características estéticas, literárias e construtivas de Graciliano Ramos.

    Os capítulos iniciais traçam um breve perfil da vida do autor. Uma breve biografia que se conecta diretamente à sua produção literária, pois como o próprio autor dizia: “só conseguimos deitar no papel os nossos sentimentos, a nossa vida. Arte é sangue, é carne. Além disso não há nada”. Nesse primeiro momento da leitura é possível perceber como a vida e a ficção se encontram e também traçar um breve panorama da literatura do autor.

    Em seguida, o leitor pode fazer um mergulho nas múltiplas e complexas formas com as quais Graça constrói a sua Literatura. O tipo de narrativa, a maneira como é construído o enredo, o fluxo de consciência…todas as características que dão ao autor a sua identidade e fazem de um Graciliano, um Graciliano.

    Por fim, esta obra vai discutir o realismo crítico presente na obra, descortinando os temas sociais e a perspectiva realista, carregada de pessimismo, traço característico deste autor. Há ainda um capítulo destinado a representação da mulher, onde é mostrado o quanto Graça trouxe modelos femininos que se distanciavam das mulheres da época e que ousavam na liberdade e diferença.

    Toda a obra é apresentada em páginas amareladas de gramatura superior, ilustrada e com uma formação e divisão de capítulos que facilita a leitura e a compreensão de seu conteúdo. Para amar Graciliano é um livro indicado não apenas a professores e estudantes de Literatura, mas também a todos que queiram conhecer um pouco mais da vida e obra deste autor ímpar que imprimiu as marcas de sua escrita na história de nossa Literatura.


    O casamento, Victor Bonini



    Sinopse: Para os noivos é o dia mais importante de suas vidas. Meses atrás, os amigos diriam que o namoro de Plínio e Diana tinha prazo de validade. Eles se conheceram de um jeito bizarro, pensam completamente diferente e nenhuma das famílias aprova o relacionamento. Mas eles resistiram a tudo. E agora vão se casar. Para o detetive é a melhor chance de pegar um criminoso. O mais íntegro dos convidados esconde um segredo devastador. Mas alguém sabe e está disposto a espremê-lo com chantagens. É então que o detetive Conrado Bardelli se hospeda no hotel-fazenda onde ocorrerá o casamento. Ele precisa descobrir o lobo entre as ovelhas. E rápido. Pois, a cada nova ameaça, o chantagista eleva o tom e falta pouco para a bomba explodir. O casal está pronto para o sim. A noiva se prepara para caminhar pelo tapete vermelho. Até que alguém diz: não saia do carro! Enquanto a plateia espera ansiosa em frente ao altar, algo brutal acontece na antessala. Só quando veem as paredes lavadas com sangue é que os convidados se rendem ao desespero. Começa uma confusão para interromper a marcha nupcial e chamar a polícia. Ninguém sabe o que fazer. E Bardelli, que lidava com um caso de extorsão, descobre que se meteu em algo muito pior. Agora, ele é o único capaz de encontrar respostas. O problema é que as mortes não param de acontecer...

    Olá, amigos leitores! Tudo bem com vocês?

    Cá estou eu mais uma vez para falar deste maravilhoso thriller que tive o prazer de devorar, que foi O Casamento, de Victor Bonini. Não é segredo para ninguém que este é o meu gênero preferido e quando soube que a Faro traria este lançamento, fiquei ansiosa em lê-lo, principalmente após ver a capa e ler a sinopse.

    Num cenário que celebra o amor, qualquer pessoa pode ser uma assassina. Sim! Estamos em um hotel-fazenda, reunidos para a celebração de uma história de amor improvável: Plínio e Diana. Jovens completamente diferentes, mas que foram fisgados pela paixão e vão trocar as suas alianças. Diana é filha única e seus pais não são a favor desta união, pois acreditam que Plínio não é o homem certo.

    Promoção de Aniversário Minha Velha Estante

    Olá amigos leitores! Estamos de volta!

    E temos motivos em dobro  para comemorar! É também o aniversário do nosso blog parceiro Minha Velha Estante, onde você encontra algumas resenhas minhas, entre elas a do livro 2.990 graus, do escritor Adilson Xavier.
    Se você leu a resenha e gostou do livro 2.990 graus, essa é a sua chance de ganhar! Sim! Vamos sorteá-lo para vocês!


    Então, participem e boa sorte!!!